quinta-feira 29 de outubro de 2020
Foto: Assessoria
Home / NOTÍCIAS / Ativista Marcos Rezende reúne cúpula do PT em inauguração de comitê e aparece como surpresa para a Câmara de Vereadores
sexta-feira 9 de outubro de 2020 às 08:41h

Ativista Marcos Rezende reúne cúpula do PT em inauguração de comitê e aparece como surpresa para a Câmara de Vereadores

NOTÍCIAS, POLÍTICA


A disputa pelas vagas da Câmara Municipal de Salvador começou a se intensificar no PT. Vereadores da legenda considerados prioritários para o pleito deste ano começaram a abrir seus comitês eleitorais. Na quarta-feira (7) quem deu partida a essa corrida por um espaço no parlamento soteropolitano foi o militante do movimento negro Marcos Rezende, fundador do Coletivo de Entidades Negras (CEN), que é considerado uma das surpresas do PT para as eleições municipais de 2020.

Rezende é especulado pela direção do PT de Salvador como um dos nomes que podem desbancar ex-vereadores petistas que naturalmente seriam favoritos a retornar à Câmara, como Lessa e Gilmar Santiago, e até encostar na votação de atuais parlamentares da sigla, como Marta Rodrigues e Suica.

O ativista dos direitos humanos mostrou essa força na inauguração do comitê, quando recebeu a candidata a prefeita Major Denice (PT), que é sua amiga pessoal; a candidata a vice-prefeita e deputada estadual Fabíola Mansur (PSB); o deputado federal Valmir Assunção (PT); o deputado estadual suplente Bira Coroa (PT); o diretor-geral do IPAC João Carlos Oliveira; a secretária de Promoção da Igualdade Racial e coordenadora da campanha da Major Denice, Fabya Reis; o presidente do PT de Salvador, Ademario Costa.

Também estiveram presentes militantes dos movimentos sociais negro, sindical, de mulheres, povos de terreiro, grupos da capoeira, entre outros segmentos. A atividade, feita no estacionamento, com distanciamento social, juntou 100 pessoas, o máximo permitido pela lei. Mas outras 80 ficaram do lado de fora, se revezando dentro do espaço.

Veja também

Bolsonaro anuncia revogação de decreto sobre privatização de UBS

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira (28) que o decreto que permitia estudos sobre …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!