sexta-feira 23 de abril de 2021
Foto: Secom/PMS
Home / NOTÍCIAS / Banco Mundial atesta cumprimento de 80% das metas do Salvador Social
sexta-feira 26 de fevereiro de 2021 às 16:28h

Banco Mundial atesta cumprimento de 80% das metas do Salvador Social

NOTÍCIAS


Ao chegar à metade do tempo previsto para execução, o Projeto Salvador Social já atingiu 80% das metas estabelecidas. Os dados foram apresentados durante missão de acompanhamento por videoconferência, que reuniu durante esta semana gerentes e técnicos do Banco Mundial (Bird) com equipes da Prefeitura. Na abertura dos trabalhos, o prefeito Bruno Reis destacou a importância do projeto para viabilizar ações na área social, prioridade da atual gestão.

Dentre as metas cumpridas na área de Assistência Social está a reestruturação dos Centros de Referência e Assistência Social (Cras), sendo nove unidades reformadas e 19 com reformas em andamento. Na Saúde, o atendimento da atenção básica teve uma ampliação expressiva de 18% para 56,4%. Já na Educação foram implantados sistemas de monitoramento, acompanhamento e qualificação.

O Salvador Social é fruto de um financiamento pioneiro da Prefeitura de Salvador. Foi assinado com o Banco Mundial em julho de 2018, no valor inicial de US$125 milhões, para aprimorar a prestação dos serviços sociais, com ênfase em melhorias da eficiência no sistema de saúde, na qualidade da educação e na efetividade da assistência social.  Mais US$125 milhões estão previstos para uma segunda etapa, já aprovada.

“Além do suporte às ações fundamentais que estão permitindo a constante melhoria dos índices sociais da cidade, o Salvador Social tem um caráter multissetorial, que tem sido essencial na mitigação dos efeitos da pandemia, especialmente no atendimento à população mais carente de Salvador nas áreas de Saúde, Assistência Social e Educação”, avalia o secretário da Casa Civil, Luiz Carreira.

Participaram da missão o gerente do projeto pelo Banco Mundial e diretor no Brasil da área de Desenvolvimento Humano, Pablo Acosta; o diretor da Unidade de Gerenciamento do Projeto pela Casa Civil, Paulo Hermida, de técnicos do Banco Mundial e das secretarias executoras do projeto, além da Controladoria do Município e do Tribunal de Contas do Município (TCM).

Projeto

A Casa Civil está encarregada da gestão do Salvador Social e, também, pela execução da assistência técnica. Ficam a cargo das secretarias setoriais – Saúde (SMS), Educação (Smed) e de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre) – as ações e cumprimento das metas estabelecidas no contrato em suas respectivas áreas.

À SMS cabe ampliar o acesso aos serviços de saúde, com foco na eficiência e racionalidade do funcionamento da rede, por meio de ações como a construção de unidades básicas de saúde e de multicentros; melhorar a qualidade dos serviços, capacitar e requalificar profissionais de saúde em serviço e implantar protocolos clínicos e de acesso para organização do fluxo assistencial.

A Smed tem atuado para garantir o acesso à educação infantil de qualidade, fortalecer as políticas de melhoria do ensino, implantar modelo de gestão para resultados, com ações de fortalecimento da prática de ensino e melhoria do sistema de avaliação e aprendizagem; bem como promover o fortalecimento da capacidade institucional da pasta, dentre outras ações.

Cabe à Sempre melhorar a estrutura organizacional para assegurar sustentabilidade da oferta de benefícios e serviços, estruturar e adequar a rede de proteção social básica (Cras e conveniadas) e os postos de atendimento do Cadastro Único, além de melhorar a gestão do Cadastro Único para assegurar a identificação da população pobre, tornando-o base para a formulação de políticas sociais.

Veja também

Mais de 16 mil pessoas tomaram doses trocadas de vacina contra Covid, diz jornal

Pelo menos 16,5 mil pessoas foram vacinadas com doses trocadas de imunizantes diferentes contra a Covid-19 no …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!