terça-feira 20 de abril de 2021
Foto: Ascom/CMS
Home / NOTÍCIAS / “Câmara aprova auxílio-emergencial para profissionais do setor de eventos e cultura”, afirma Geraldo Júnior
quinta-feira 25 de março de 2021 às 13:45h

“Câmara aprova auxílio-emergencial para profissionais do setor de eventos e cultura”, afirma Geraldo Júnior

NOTÍCIAS, POLÍTICA


Em sessão realizada no final da manhã desta quinta-feira (25), a Câmara Municipal de Salvador aprovou o Projeto de Lei do Executivo 108/2021, que estabelece um auxílio emergencial para profissionais da cultura e da área de eventos. Esse foi um pleito do presidente da Casa, Geraldo Júnior (MDB), junto ao prefeito Bruno Reis (DEM). O valor total do auxílio é de até RS 1.100,00. Esta proposição da Prefeitura chegou à Câmara Municipal ontem (24). E “devido à necessidade de urgência”, segundo Geraldo Júnior, foi apreciada hoje no Plenário Cosme de Farias.

O município vai pagar uma parcela fixa de R$ 550,00, “facultando o pagamento de mais uma parcela, no valor de até RS 550,00, após a parcela fixa, observando a disponibilidade orçamentária”.

“O auxílio-emergencial para os profissionais de eventos e da cultura é uma vitória. Entretanto, essa discussão não acaba aqui”, diz Geraldo Júnior.

Ele afirma que uma das grandes discussões acerca deste tema são os protocolos para a reabertura do setor de eventos e cultura. No último dia 12, Geraldo Júnior, Bruno Reis e os empresários do ramo de eventos Paulo Góes e Luiz Eduardo Magalhães Júnior, o Duquinho, tiveram uma audiência sobre este tema.

“O lockdown vai passar. O auxílio, como a nomenclatura revela, é emergencial. Portanto, consideramos importante, neste momento, planejar os protocolos para a reabertura dos setores de cultura e eventos, que vão garantir o retorno da sustentabilidade financeira dos profissionais desses ramos”, afirma Geraldo Júnior.

Salvador Por Todos

Também foi aprovada na sessão de hoje da Cãmara Municipal de Salvador a prorrogação do Salvador Por Todos, através do Projeto de Lei do Executivo 93/2021. Os beneficiados pelo programa receberão três parcelas de RS 270,00. São contemplados baianas de acarajé, ambulantes, feirantes, camelôs, barraqueiros, baleiros, guardadores de carros e recicladores.

Veja também

Discursos sobre temas diversos marcam sessão ordinária na Câmara de Salvador

Na 13ª Sessão Ordinária da 19ª Legislatura da Câmara Municipal de Salvador, na tarde desta …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!