domingo 11 de abril de 2021
Foto: Reprodução
Home / DESTAQUE / Capitão Alden formaliza notícia-crime contra cinco deputados baianos
sexta-feira 19 de março de 2021 às 06:53h

Capitão Alden formaliza notícia-crime contra cinco deputados baianos

DESTAQUE, NOTÍCIAS


Estão na mira do deputado Bolsonarista: Olívia Santana, Neusa Cadore, Marcelino Galo, Hilton Coelho e Lídice da Mata

O clima esquentou nesta última quinta-feira (18), após identificar publicações ofensivas ao Presidente da República, Jair Bolsonaro, em perfis de redes sociais de quatro deputados estaduais e uma deputada federal, o deputado estadual Capitão Alden, principal referência da Direita na Bahia, se manifestou com indignação sobre publicações que insinuavam que o chefe do executivo nacional é um “genocida”. De imediato o deputado Bolsonarista providenciou formalizar notícia-crime contra os seguintes parlamentares: Olívia Santana, Neusa Cadore, Marcelino Galo, Hilton Coelho e Lídice da Mata.

De acordo com o deputado estadual Capitão Alden, todos os citados foram enquadrados na notícia-crime como crime contra a Segurança Nacional. “Com base no Art. 26 da Lei Nº 7.170 (Lei de Segurança Nacional) ‘Caluniar ou difamar o Presidente da República, o do Senado Federal, o da Câmara dos Deputados ou o do Supremo Tribunal Federal, imputando-lhes fato definido como crime ou fato ofensivo à reputação. Pena: reclusão, de 1 a 4 anos’, ou seja, os referidos parlamentares estão ferindo uma legislação nacional”, pontua Alden.

Segundo o parlamentar autor da ação na esfera judicial, o ato cometido pelos políticos opositores ao Governo Federal foi, extremamente, grave e merece penalidades previstas nas legislações vigentes. “Genocida é quem impõe lockdown e assassina pais e mães de família de fome. Genocidio é impedir que cidadãos de bem possam trabalhar para garantir seu sustento”, ressalta Alden.

Formalização

O deputado estadual Capitão Alden viabilizou a notícia-crime junto ao Ministério Público Federal (MPF), Polícia Federal e Delegacia de Crimes Virtuais. Segundo o parlamentar os trâmites serão acompanhados de perto, pois ele pretende seguir com a ação até o final.

Veja também

Ciro Gomes envia carta de condolências à rainha Elizabeth e vira meme nas redes sociais

O anúncio da morte do príncipe Philip, na última sexta-feira (9), foi manchete em publicações …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!