terça-feira 26 de janeiro de 2021
Foto: ASCOM / PMP
Home / NOTÍCIAS / CREAS de Pojuca realiza palestra pelo combate à violência doméstica
sexta-feira 29 de novembro de 2019 às 11:08h

CREAS de Pojuca realiza palestra pelo combate à violência doméstica

NOTÍCIAS


Na manhã da última quarta-feira (27), na parte coberta da Praça ACM, a Secretaria de Desenvolvimento Social (SEDES), através do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) realizou uma palestra com o objetivo de coibir a violência doméstica no município.

A palestra que foi conduzida pela Major – PM e psicóloga Denice Santiago e contou com a presença da secretária Carolina Menezes, vereadora Nenga do Sindicato e da subtenente Lins da 32ª CIPM, além de estudantes da rede municipal de ensino, autoridades, homens e mulheres da sociedade civil pojucana.

A secretária Carolina Menezes destacou o trabalho desenvolvido pela SEDES, através de diversos programas e ações no combate à violência doméstica em nossa cidade. Para a secretária é importante que todas as entidades devem, juntamente com a sociedade, combater qualquer tipo de violência. “Não podemos aceitar que mulheres sejam violentadas diariamente.” Disse Carolina Menezes.
Nathali Santos Pereira, Bruno Paixão e Luis Claudio Pena, alunos do 8º e 9º anos do Colégio Castelo Branco, fizeram uma belíssima apresentação demonstrando através do teatro o que acontece na vida real de milhares de famílias em todo o país. Os garotos emocionaram a plateia com sua performance.

A major e criadora da Ronda Maria da Penha, Denice Santiago, trouxe para o público algumas formas utilizadas por homens para agredir as mulheres. Segundo ela, tudo pode começar de forma sutil e progredir para a agressão física, sexual e psicológica. Para Denice, a agressão psicológica é a pior forma, pois é a forma mais subjetiva de agressão.

De acordo com a subtenente Lins da 32ª CIPM, em Pojuca, a PM registrou 25 casos de agressão no município em 2019. Como foi destacado por Lins que muitos outros casos devem ser registrados pela Polícia Civil, além de outros que não chegam ao conhecimento das autoridades. “A responsabilidade pelo enfrentamento à violência doméstica é de todos. Todos têm que denunciar para que esse mal seja eliminado de uma vez por todas.” Destacou Lins.

O Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher celebra-se anualmente no 25 de novembro para denunciar a violência contra as mulheres no mundo todo e exigir políticas em todos os países para sua erradicação.

Veja também

AL-BA: Proposições legislativas passam a tramitar de maneira 100% digital

Em um pouco tempo, a figura do assessor que acumula, dentre outras atribuições, recolher assinaturas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!