sábado 7 de dezembro de 2019
Foto: Reprodução/Rede social
Home / POLÍTICA / Ex-prefeito de Camaçari se diz perseguido
domingo 1 de dezembro de 2019 às 11:14h

Ex-prefeito de Camaçari se diz perseguido

POLÍTICA


O ex-prefeito de Camaçari Luiz Caetano (PT), deputado federal reeleito e impedido de exercer o mandato pela Justiça Eleitoral, afirmou segundo o jornal A Tarde, que está sendo vítima de perseguição por causa do resultado que alcançou na eleição. “Começaram um processo de perseguição após eu ter 40 mil votos em Camaçari e 125 mil votos na Bahia”, aponta.

O político criticou ainda conforme publicação, sobre o andamento de seu processo na Justiça Eleitoral. “Até agora não foi discutido o mérito do meu processo. Eu já obtive algumas vitórias e tenho certeza de que é uma perseguição que tem tempo para acabar, é momentânea”.

O ex-prefeito afirma que a cidade de Camaçari está abandonada. “O atual prefeito fracassou na gestão. A saúde, educação e o social não funcionam na cidade, que arrecada mais de um bilhão por ano. A cidade está esburacada, na escuridão, nem vacina tem nos postos médicos”, lamentou Caetano ao jornal.

Veja também

Jornal diz que Wagner precisou chegar ao Senado para ter certeza que vai disputar governo estadual em 2022

O senador Jaques Wagner teria contado a um amigo que precisou se eleger ao Senado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!