domingo 25 de julho de 2021
Foto: Reprodução
Home / NOTÍCIAS / Grande incêndio atinge Ceasa do Rio Grande do Norte em Natal
terça-feira 20 de julho de 2021 às 05:34h

Grande incêndio atinge Ceasa do Rio Grande do Norte em Natal

NOTÍCIAS


Um grande incêndio atinge neste a Central de Abastecimento do Rio Grande do Norte (Ceasa-RN) em Natal. O fogo começou às 3h30 desta terça-feira (20).

De acordo com informações publicadas nas redes sociais, o Corpo de Bombeiros ainda não tinham informações sobre haver vítimas, diversas viaturas estão no local.

A Ceasa de Natal, se constitui enquanto uma instituição, formada por uma infraestrutura, localizada no município de Natal-RN, que tem como objetivo abastecer o território com produtos hortifrutigranjeiros, entre outros alimentos.

As Centrais de Comercialização do Rio Grande do Norte (Ceasa-RN) formam o principal polo de comercialização de hortifrutigranjeiros do Estado. São mais de 300 lojas que comercializam frutas, legumes, verduras, carnes, ovos, derivados do leite, entre outros.

Foto: Reprodução

A Ceasa-RN funciona de segunda a sábado, na Av Capitão-Mor Gouveia, 3005, Lagoa Nova, Natal, no horário das 00h às 18h para caminhões de carga e descargas de produtos perecíveis, das 13h às 18h para caminhões de cargas secas e refrigeradas e das 3h às 13h para comercialização nos mercados.

Segurança dentro da Ceasa RN

Com o objetivo de tornar as instalações das Centrais de Abastecimento do Rio Grande do Norte (Ceasa-RN) mais seguras e cumprir o Regulamento Interno de Mercado, o Governo do RN está investindo na contratação de vigilantes armados. A partir desta semana, novos vigilantes irão compor a equipe de segurança que passará a monitorar 24h por dia a Ceasa-RN, visando organizar a utilização dos espaços e monitorar as portarias.

O que você encontra na Ceasa RN

As lojas trabalham com entregas de frutas, verduras, hortaliças, ervas, temperos, cereais, carnes, entre outros produtos.

“Utilizando o serviço de entrega as pessoas estarão contribuindo com os nossos mercados e evitando o contato com outras pessoas e cumprindo as medidas sanitárias do Governo do RN”.

Veja também

EUA impõem restrições aos não vacinados

Autoridades americanas decidiram concentrar esforços para vencer a hesitação de milhares de pessoas em relação …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!