quarta-feira 4 de agosto de 2021
Home / JUSTIÇA / Justiça Eleitoral barra candidatura de irmã de Ciro Gomes

Justiça Eleitoral barra candidatura de irmã de Ciro Gomes

sexta-feira 21 de setembro de 2018 às 09:38h

A candidatura só foi indeferida porque Lia Gomes está com o título de eleitor cancelado -como não está apta a votar, ela também não estaria apta a ser votada na eleição deste ano

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) barrou a candidatura a deputada estadual de Lia Ferreira Gomes (PDT), irmã do presidenciável Ciro Gomes (PDT). A decisão foi tomada na semana passada com votação unânime dos magistrados.

O documento foi cancelado porque Lia Gomes não realizou o cadastramento biométrico determinado pela Justiça Eleitoral e obrigatório para todos os eleitores de Caucaia (CE), cidade onde ela possui seu domicílio eleitoral. O prazo para o cadastro ia até 9 de maio deste ano.

A defesa de Lia Gomes vai recorrer da decisão no TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Ela segue em campanha normalmente.

Esta seria a primeira disputa eleitoral de Lia Gomes -ela ocuparia o espaço político deixado pelo irmão Ivo Gomes (PDT), que era deputado estadual, mas foi eleito prefeito de Sobral em 2016.

Veja também

STF volta nesta segunda com recados em defesa da democracia

Na tarde desta segunda-feira (2), o plenário do STF realiza sessão extraordinária de julgamentos para …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!