quinta-feira 2 de abril de 2020
Home / POLÍTICA / Líderes na Assembleia Legislativa da Bahia apoiam sessão vistual

Líderes na Assembleia Legislativa da Bahia apoiam sessão vistual

quarta-feira 25 de março de 2020 às 12:51h

Em interlocução direta e permanente com o presidente Nelson Leal (Progressistas), os líderes do governo deputado Rosemberg Pinto (PT), e da oposição, Sandro Régis (DEM), foram cruciais para a articulação necessária à realização da primeira sessão virtual do Legislativo baiano, assim como para viabilizar a votação e aprovação dos decretos legislativos que declararam o estado de calamidade pública no estado e na capital baiana.

Eles apoiaram a implantação e as regras de utilização do Sistema de Deliberação Remota, SDR, que resulta numa verdadeira revolução no funcionamento do parlamento por meio da tecnologia da informação. Catástrofes, tumultos ou pandemias, como a do Covid-19, até podem impedir fisicamente os representantes dos baianos de chegar ou ter acesso ao plenário do Legislativo Tecnologia possibilita total controle da sessão virtual – mas não os impedirá de debater e votar matérias do interesse da Bahia e dos baianos, como aconteceu agora.

Acordo

Os dois líderes também acordaram, de suas bancadas não se pronunciarem durante a sessão, para acelerar ao máximo o andamento dos trabalhos. Segundo o líder do governo, a sessão ocorreu da melhor maneira possível. “Foi a primeira vez. Tivemos algumas intercorrências naturais de uma estreia, mas foi bastante positiva e mostrou que o Poder Legislativo tem plenas condições de continuar funcionando em todas as suas atividades mesmo em situações adversas”, explicou Rosemberg.

Para o governista, sem dúvidas, nas próximas sessões, usando essa tecnologia, o trabalho fluirá de forma mais natural. “Como foi a primeira vez havia até uma certa ansiedade dos parlamentares, mas com a prática vamos nos acostumando com a tecnologia e assim ajustando os trabalhos”, completou. O deputado Rosemberg Pinto foi até a ALBA acompanhar a estreia do SDR, mas seguiu os protocolos estabelecidos pela área médica nesse período e ficou uma sala contígua a Presidência conectado através da internet.

Por seu turno, o líder da oposição, deputado Sandro Régis disse que a Assembleia deu uma resposta rápida para auxiliar nos trabalhos de combate a pandemia do coronavirus na Bahia e em Salvador. “Nós parlamentares entendemos que todos os esforços precisam ser feitos para proteger os baianos. Quanto mais rápido agirmos, mais rapidamente sairemos desta crise e a opção de debater e votar em Casa protege não apenas a nós e nossas famílias, mas o funcionalismo da ALBA e a coletividade – única saída para frear, ou ao menos retardar o progresso desse virus”, disse.

Para ele a sessão virtual se mostrou uma ferramenta eficiente nesse momento de isolamento social, mas também demonstra a unidade do parlamento no apoio às ações emergenciais que os poderes executivos no Estado e na prefeitura de Salvador terão que executar: “Colocamos divergências para o segundo plano, como a Assembleia já fez outras vezes, para ficar ao lado do bem comum. Essa pandemia é muito grave. Nosso trabalho agora é no sentido de preservar vidas. Precisamos, inclusive, manter e aprofundar as medidas restritivas, de isolamento, de forma que o coronavirus não se alastre”, completou.

Veja também

Doria a Lula: “Temos muitas diferenças. Mas agora não é hora de expor discordâncias”

O governador de São Paulo, João Doria, compartilhou uma publicação do ex-presidente Lula, falando sobre …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!