domingo 11 de abril de 2021
Foto: Twitter/ Shiv Ramadas
Home / CURIOSIDADES / Maior navio do mundo encalha no Canal de Suez e impede tráfego marítimo em um dos locais mais movimentados do mundo
quarta-feira 24 de março de 2021 às 05:37h

Maior navio do mundo encalha no Canal de Suez e impede tráfego marítimo em um dos locais mais movimentados do mundo

CURIOSIDADES, MUNDO, NOTÍCIAS


Um vídeo divulgado nesta última terça-feira (23) mostra o navio MV Ever Green, com pavilhão de Taiwan, com 400 metros de comprimento e 59 metros de largura atravessado no canal impedindo o tráfego.

“O porta-contêiners encalhou de forma acidental, provavelmente depois de ter sido atingido por uma rajada de vento”, disse à France-Presse a companhia Evergreen Marine Corp.

A empresa acrescenta que “está em contato com as partes envolvidas, entre elas a autoridade que gere o Canal do Suez, para ajudar o navio o mais depressa possível”.

A agência Bloomberg indica que, após o incidente, mais de 100 navios estão a aguardar a possibilidade de passar pelo canal.

Assista ao vídeo:

“Houve um incidente, (o navio) encalhou”, disse à Bloomberg o diretor da BSM Hong Kong que gere o MV Ever Given.

De acordo com o portal de vigilância marítima Vessel Finder, o navio tem como destino o porto de Roterdão, na Holanda.

“Os rebocadores estão neste momento tentando fazer com que o navio volte a navegar”, disse a empresa Leth Agencies, que fornece serviços aos clientes que utilizam o canal.

Até ao momento, as autoridades do Egito ainda não se pronunciaram sobre o incidente.

O Canal do Suez, inaugurado em 1869, garante a passagem de 10% do comércio marítimo internacional.

Cerca de 19 mil navios utilizaram a passagem em 2020, de acordo com a Autoridade do Canal do Suez (SCA).

A passagem marítima é uma fonte de rendimentos essencial para o Egito, que beneficiou em US$ 5,6 bilhões em taxas, no ano passado.

Veja também

Governador do Rio cria nova secretaria e deputado federal vai assumir pasta

Cláudio Castro, governador do Rio de Janeiro, está criando uma nova pasta: a Secretaria de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!