domingo 11 de abril de 2021
Foto: Reprodução
Home / NOTÍCIAS / Minoritários tentam ampliar presença no Conselho da Petrobras
quarta-feira 17 de março de 2021 às 08:29h

Minoritários tentam ampliar presença no Conselho da Petrobras

NOTÍCIAS


Valendo-se da ampla vantagem obtida pelo voto múltiplo na assembleia geral que elegeu os integrantes do Conselho de Administração da Petrobras, os acionistas minoritários da estatal, representados pelo advogado tributarista Leonardo Antonelli na reunião desta terça, decidiram apresentar um candidato a conselheiro do grupo para a próxima eleição do colegiado, que será realizada no dia 12 de abril.

O advogado Marcelo Gasparino da Silva (Eternit, Vale, Cemig…) foi apresentado como indicado dos acionistas FIA Dinâmica Energia, Banclass FIA, RPS Equity Hedge Master FIM, RPS FIA Selection Master, RPS Long Bias Selection FIA, RPS Prev Absoluto Icatu FIM Master, RPS Sistemático FIA e RPS Total Return Master FIMpara votação na assembleia de abril.

Na votação de julho do ano passado, como mostrou o Radar, Antonelli teve 4 bilhões de votos, apoio suficiente para encorajar agora os acionistas a unirem forças para ampliar a presença minoritária no conselho.

A movimentação dos minoritários é vista como crucial para reforçar o conselho da estatal diante de episódios como a clara interferência de Jair Bolsonaro na empresa, ao decidir demitir o presidente Roberto Castello Branco para colocar no lugar o general Joaquim Luna.

O que diz o comunicado da estatal sobre Silva: “Marcelo Gasparino da Silva é advogado especialista em administração tributária empresarial pela ESAG. É Presidente do Conselho de Administração da Eternit (2017-2022), Conselheiro de Administração Vale (2020-2021), da Cemig (2016-18, 2018-20 e 2020-22), e membro do Conselho Fiscal da Petrobras (2019- 2020 e 2020-21). Com passagens em companhias dos setores mineração e siderurgia, óleo & gás, petroquímico, logística, geração, transmissão e distribuição de energia, distribuição de gás natural, transformação do aço, indústria de base, construção civil, coberturas para construção civil inclusive geração fotovoltáica, distribuição de veículos, agronegócio e saneamento básico adquiriu competências, capacidades e conhecimentos, skills que permitem contribuir construtivamente nas mais diversas matérias e estratégias que são tratadas nos conselhos que participa, tais como turnaroud, estrutura de capital, merger & acquisitions, venda de ativos non core, reestruturação financeira de companhias em crise, incluindo recuperação judicial, sucessão de executivos, questões jurídicas de alta complexidade e a liderança no enfrentamento que crises de impacto global como a COVID-19, dentre outras”.

Veja também

Jerônimo Rodrigues confirma que plano de volta presencial das aulas está pronto

O secretário de educação da Bahia, Jerônimo Rodrigues, afirmou em entrevista a rádio metrópole que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!