quarta-feira 28 de julho de 2021
Foto: Agência Senado
Home / NOTÍCIAS / Na PF, diretora da Precisa não ficou em silêncio
terça-feira 13 de julho de 2021 às 13:50h

Na PF, diretora da Precisa não ficou em silêncio

NOTÍCIAS


No depoimento que prestou à Polícia Federal na última segunda-feira (12), a diretora da Precisa Medicamentos Emanuela Medrades adotou postura diferente da aposta no silêncio na manhã desta terça-feira (13) na CPI da Covid.

Segundo o jornal O Globo, ela respondeu a praticamente todas as perguntas. Foi considerada colaborativa. O depoimento ocorreu no inquérito sobre a Covaxin.

Na CPI, a oitiva de Emanuela foi suspensa. Irritado com o silêncio da diretora, Omar Aziz disse que buscará o Supremo para saber os limites do direito ao silêncio garantido a ela.

Na semana passada, Francisco Maximiano, dono da Precisa Medicamentos, também depôs na Polícia Federal.

Veja também

Temer e Kassab acreditam que Tributária não passa no Congresso

Um almoço restrito a poucos convidados na última quinta-feira (22) em São Paulo, mas com …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!