segunda-feira 25 de janeiro de 2021
Foto: Divulgação
Home / POLÍTICA / Niltinho realiza audiência pública sobre o autosserviço nos postos de gasolina
quinta-feira 28 de novembro de 2019 às 17:16h

Niltinho realiza audiência pública sobre o autosserviço nos postos de gasolina

POLÍTICA


Segundo Niltinho, a medida pode significar a demissão de mais de 20 mil trabalhadores só na Bahia

Uma audiência pública será realizada no dia 2 de dezembro, na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), para debater o autosserviço nos postos de combustíveis. O encontro foi convocado pelo deputado estadual Niltinho (PP) e será realizado na Sala das Comissões Luís Cabral, a partir das 09h30.

Tramita no Senado Federal o Projeto de Lei 2302/19, que permite o funcionamento de bombas de autosserviço, operadas pelo próprio consumidor, nos postos de abastecimento de combustíveis.

O projeto revoga a Lei 9.956/00, que hoje proíbe essas bombas e pode significar o fim da atividade de frentista, demitindo mais de 20 mil trabalhadores na Bahia, 5.400 mil só na Região Metropolitana de Salvador, segundo dados do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

Segundo  Niltinho, a medida pode significar a demissão de mais de 20 mil trabalhadores só na Bahia. “Nossa preocupação está no alto número de demissões que essa medida vai gerar, estamos passando por um período de crise e o que precisamos é estimuar a geração de emprego e renda. Não acredito que o valor do combustível irá diminuir e é precisamos pensar nas medidas de segurança dos condutores, para evitar combustão e exposição ao benzeno, que causa câncer. Tema polêmico que precisa ser debatido urgentemente”, disse.

Já confirmaram presença no evento representantes do Governo da Bahia, Sindicato dos Trabalhadores em Postos de Combustíveis da Bahia (SINPOSBA), Dieese, o deputado estadual Dal. Também estão sendo convidados representantes dos postos de combustíveis.

Veja também

Bolsonaro pode estar próximo de se filiar ao Patriota

Jair Bolsonaro está em uma conversa evoluída com o Patriota e pode se filiar ao …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!