quinta-feira 6 de maio de 2021
Foto: Divulgação
Home / Mundo / MUNDO / Pelosi diz que iniciará processo de impeachment se Trump não renunciar
segunda-feira 11 de janeiro de 2021 às 10:19h

Pelosi diz que iniciará processo de impeachment se Trump não renunciar

MUNDO, NOTÍCIAS


A democrata Nancy Pelosi, presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, afirmou nesta sexta-feira que dará início ao processo de impeachment contra Donald Trump se ele não renunciar “imediatamente”.

Em carta enviada a todos os membros da Câmara, Pelosi pediu aos representantes do Partido Republicano, o mesmo de Trump, que apoiem a iniciativa por causa do que chamou de “atos perigosos e insurgentes” do presidente, citando como exemplo as ações da legenda no segundo mandato de Richard Nixon.

“Hoje, na esteira dos atos perigosos e insurgentes do presidente, os republicanos no Congresso precisam seguir esse exemplo e pedir que Trump deixe o cargo imediatamente. Se o presidente não deixar o cargo imediatamente e voluntariamente, o Congresso prosseguirá com nossa ação”, afirmou Pelosi.

A pressão para o Congresso iniciar o segundo processo de impeachment contra Trump poucos dias antes de ele deixar a Casa Branca se intensificou nas últimas horas enquanto Pelosi aguarda a resposta do vice-presidente Mike Pence sobre se ele vai invocar a 25ª emenda à Constituição dos EUA para destituir o presidente do cargo.

Essa emenda permite a remoção do presidente se o vice e uma maioria do gabinete governamental votarem a favor da medida com base em sua incapacidade de “exercer os poderes e deveres do cargo”.

Pelosi também disse hoje aos membros do Partido Democrata na Câmara que, embora prefira que Trump renuncie ou seja destituído sob a 25ª emenda, um novo processo de impeachment terá mais apoio partidário do que o primeiro processo, conduzido no início de 2020.

Na época, os democratas processaram Trump pela pressão que ele exerceu sobre o presidente da Ucrânia, Volodimir Zelenski, para investigar Joe Biden, a fim de prejudicar suas aspirações presidenciais.

O impeachment de Trump acabou não sendo aprovado no Senado, onde os republicanos tinham maioria até a última quarta-feira, quando candidatos democratas ganharam as duas vagas em disputa em um segundo turno eleitoral no estado da Geórgia.

Veja também

Servidores públicos do município do Rio receberam R$ 3,7 milhões em pagamentos do auxílio emergencial

Servidores da cidade do Rio de Janeiro receberam em 2020 conforme a coluna de Guilherme …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!