quinta-feira 25 de fevereiro de 2021
Foto: Bruno Concha/Secom
Home / NOTÍCIAS / Prefeitura realiza média de seis mil podas de árvores em Salvador todos os meses
terça-feira 26 de janeiro de 2021 às 12:48h

Prefeitura realiza média de seis mil podas de árvores em Salvador todos os meses

NOTÍCIAS


Árvores são sinônimo de coisas boas. Além de embelezar os ambientes, nos dão oxigênio, sombra, frutas e, por que não, um excelente suporte para a rede do cochilo da tarde. Porém, quando as árvores estão muito frondosas, elas podem se tornar um problema prático para o dia a dia, quando fios se misturam com seus galhos, ou acontecem quedas totais ou parciais ou, ainda, passam a prejudicar o fluxo do trânsito, por exemplo. Por essas razões, é muito provável que você já tenha pensado em algum momento: essa árvore precisa ser podada.

Em 2020 foram feitos aproximadamente 70 mil serviços deste tipo na cidade, alcançando uma média de quase seis mil intervenções mensais. Em Salvador a poda e supressão de vegetais em áreas públicas é realizada exclusivamente pela Secretaria Municipal de Manutenção (Seman). Se o serviço for em área particular, é necessário alvará expedido pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur).

A Seman realiza importante trabalho de manutenção, prevenindo a queda de galhos e árvores. Com isso, além de garantir o aspecto paisagístico, o vegetal permanece em boas condições com a retirada de galhos quebrados, senis e parasitas.

O titular da pasta, Luciano Sandes, destaca a importância de a população saber que as podas não ocorrem porque queremos cortar uma árvore. “Este é um importante trabalho preventivo contra acidentes, onde é feita a retirada de galhos com potencial de queda, em estado fitossanitário ruim, além de outras questões atreladas à segurança, como a melhoria da iluminação pública”.

O trabalho de manutenção das áreas verdes da cidade ocorre diuturnamente em algumas vias. Em locais de grande movimentação, o procedimento é feito no período noturno, a exemplo das avenidas Antônio Carlos Magalhães, Mário Leal Ferreira (Bonocô) e General San Martin.

Solicitação

A população pode solicitar o serviço de manutenção de áreas verdes em vias públicas da cidade através do telefone 156, do portal www.falasalvador.ba.gov.br e presencialmente, nas Prefeituras-Bairro. Será possível também realizar a solicitação pelo aplicativo Fala Salvador.

Após a solicitação, em um prazo de até 45 dias o corpo técnico da Seman, formado por engenheiros agrônomos, técnicos agrícolas e biólogos, realiza vistoria para avaliação do serviço a ser realizado. Para maior eficiência, as podas são executadas com o auxílio de motosserras e motopodas, além de caminhão com caçamba elevatória.

Inovações

Segundo o secretário Luciano Sandes, a pasta utiliza dois equipamentos inovadores. “São eles o tomógrafo e o penetrógrafo para diagnóstico de sonda e imagem. Eles servem para avaliar a saúde da arborização urbana com a detecção de deteriorações”, pontua.

O penetrógrafo é um equipamento usado para o diagnóstico do tronco das árvores que avalia a perda de resistência mecânica do lenho ao analisar a linha de passagem da broca da ferramenta, equipada com sensor. Já os tomógrafos acompanham a tendência de ensaios não destrutivos em árvores e procuram identificar deteriorações.

A medição das ondas mecânicas propagadas pelo lenho da árvore é feita a partir de um sinal gerado por um martelo eletrônico. Este sinal é transmitido e recebido por sensores instalados ao redor da circunferência do tronco. Quanto mais alta a velocidade da onda que percorre o lenho, maior a resistência deste. Assim, a velocidade será alta se o lenho estiver em boas condições e baixa caso haja um apodrecimento, oco ou rachadura.

Sandes afirma que, em quase 90% dos casos, a “saúde das árvores” pode ser avaliada visualmente por um engenheiro ambiental ou técnico especializado. Nos demais casos, o uso destes equipamentos é de fundamental importância para uma avaliação mais apurada. “Os resultados obtidos nestas análises são utilizados para monitorar certas condições de risco, assim podemos adotar medidas adequadas e de forma preventiva”, conclui.

Veja também

Hospital Metropolitano: após denúncia de Capitão Alden, a Sesab diz que em março resolverá a situação

O rumo ao estado de “colapso” na Saúde na Bahia tem se tornado mais eminente, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!