segunda-feira 25 de janeiro de 2021
Foto: Divulgação ABAPA
Home / NOTÍCIAS / Prêmio Abapa de Jornalismo será entregue a profissionais e acadêmicos que se destacaram com produções sobre o algodão baiano
quinta-feira 21 de novembro de 2019 às 09:49h

Prêmio Abapa de Jornalismo será entregue a profissionais e acadêmicos que se destacaram com produções sobre o algodão baiano

NOTÍCIAS


Com a proposta de valorizar produções jornalísticas que destacaram a cotonicultura da Bahia em 2018/2019, a Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa) realiza a cerimônia de entrega da I Edição do Prêmio ABAPA de Jornalismo. O evento será na próxima segunda-feira (25), às 19h30, no auditório da União dos Municípios da Bahia (UPB), em Salvador. Além da premiação na categoria Profissional acadêmicos de faculdades de Jornalismo também concorrem, na categoria Jovem Talento.

O Prêmio Abapa de Jornalismo surgiu a partir de uma iniciativa similar, realizada pela Associação Brasileira do Agronegócio da Região de Ribeirão Preto, em São Paulo (ABAG/RP), que desde 2008 produz o Prêmio ABAG/RP de Jornalismo e que em 2011 incorporou o nome de “José Hamilton Ribeiro”, em homenagem ao mais premiado jornalista brasileiro. O Prêmio Abapa recebeu as devidas adaptações, com alcance nacional e com a participação de cinco faculdades de Salvador (BA), na Jovem Talento.

Após a fase de produção, inscrição e seleção dos trabalhos jornalísticos nas modalidades de impressos, internet e vídeo, é chegada a hora de divulgar a escolha da banca julgadora, formada por cinco profissionais, três do Jornalismo e dois da área técnica da cotonicultura. Já para que as produções dos acadêmicos obtivessem mais vigor e informações, a Abapa organizou visitas técnicas com a participação de cerca de 115 acadêmicos que viajaram de Salvador para o Oeste da Bahia para conhecer detalhes sobre a cadeia produtiva do algodão.

Na próxima semana, a Capital da Bahia receberá a cerimônia de premiação da edição piloto da Prêmio Abapa de Jornalismo, uma inciativa que contou com a participação de trabalhos de jornalistas de estados como São Paulo, Rio Grande do Sul, Bahia e Tocantins. “Será um dia de reconhecimento àqueles que nos ajudam a propagar nosso Estado, divulgando e noticiando o algodão aqui produzido, dia também de homenagear os futuros profissionais que certamente, após conhecerem de perto a cotonicultura baiana, têm hoje uma outra visão da cultura que faz da Bahia o segundo maior produtor da fibra no Brasil”, diz o presidente da Abapa, Júlio Cézar Busato.

Veja também

Brasil pode comprar vacina finlandesa contra a Covid-19

Pesquisadores da Finovac, a vacina contra a Covid-19 em desenvolvimento na Finlândia, procuraram o Brasil …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!