domingo 27 de setembro de 2020
Foto: Secom/PMS
Home / NOTÍCIAS / Problemas de iluminação pública em Salvador podem ser resolvidos por telefone
domingo 9 de agosto de 2020 às 18:09h

Problemas de iluminação pública em Salvador podem ser resolvidos por telefone

NOTÍCIAS


Para facilitar e auxiliar nas demandas cotidianas durante o período de pandemia, a Diretoria de Iluminação Pública de Salvador (Dsip), vinculada à Secretaria de Ordem Pública (Semop), lançou, em março deste ano, um canal de atendimento exclusivo para a população realizar solicitações no setor. Desde que foi criado, mais de mil atendimentos foram realizados.

O novo serviço foi criado para evitar espera e agilizar os atendimentos. Com esse propósito, o aplicativo WhatsApp se tornou o novo aliado do órgão. Dessa forma, o cidadão pode fazer solicitações a respeito de poste dando choque, caído ou com risco de queda. Além disso, também é possível abrir solicitações em relação a fios soltos no poste e apagões.

“O WhatsApp da iluminação pública é uma ferramenta onde recebemos demandas emergenciais. Ou seja, é mais um canal que serve para auxiliar a população nas solicitações mais urgentes, principalmente agora na pandemia, onde o 156 está sobrecarregado”, explica o diretor da Dsip, Júnior Magalhães.

Quem pretende fazer a solicitação, deve encaminhar mensagem para o número (71) 98549-8728 e relatar qual a situação. O prazo para resolução do problema é de até 48 horas. “A iluminação pública é um serviço essencial, então não podemos parar”, afirma o diretor.

Já para as demais solicitações, como manutenção de postes públicos, troca de lâmpadas e luminárias acesas durante o dia ou piscando, devem continuar sendo registradas através dos canais oficiais da Prefeitura, seja pelo Fala Salvador 156 ou por meio do portal http://falasalvador.ba.gov.br/portal/portal.

Veja também

Inquérito epidemiológico vai mapear evolução da Covid-19 em Salvador

O número de casos notificados do novo coronavírus não reflete a magnitude doença, pois parte …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!