sábado 6 de março de 2021
Foto: Jefferson Peixoto/Secom
Home / NOTÍCIAS / Salvador ganhou 13 novas ciclovias e terá outras cinco até novembro, informa Prefeitura
sexta-feira 11 de setembro de 2020 às 09:50h

Salvador ganhou 13 novas ciclovias e terá outras cinco até novembro, informa Prefeitura

NOTÍCIAS


O projeto de ampliação das vias reservadas para ciclistas em mais 35km, até o final deste ano, segue a todo vapor. Do início de 2020 até agora, a Prefeitura entregou 13 novas vias para bikes e finalizará outras cinco até novembro, totalizando 316, com 8km de novas ciclovias, ciclofaixas e ciclorrotas por toda cidade. Dos 281,8km atuais, 221,2 km foram implantados pela Prefeitura desde 2013, quando a cidade passou de fato a priorizar e estimular quem anda de bike.

Segundo o cronograma de atividades da Transalvador, até o final deste mês devem ser entregues quatro obras: a ciclofaixa de 4km localizada na Avenida Afrânio Peixoto (entre a Avenida Engenho Oscar Pontes e Avenida da França), uma outra de 1,2km na mesma via (na altura da Avenida Almirante Tamandaré), a de 2,5km na Avenida Luís Eduardo Magalhães (indo da Orla a Pernambués) e a de de 3km no Centro Administrativo da Bahia. Uma ciclovia de 1, 7km também será entregue em novembro na Avenida Octávio Mangabeira, na Pituba (entre o Largo das Baianas e a Arena aquática).

De acordo com o superintendente da Transalvador, Fabrizzio Müller, Salvador vem investindo fortemente na ampliação do sistema cicloviário da cidade. “Entendemos que é o meio de transporte sustentável, saudável e que tem ganhado espaço em todas as cidades e grandes centros do mundo, principalmente agora na pandemia, em que o transporte público se torna menos seguro. Hoje, a nossa cidade estimula o uso de bike de diversas formas, inclusive premiando com folgas servidores da Prefeitura que vão trabalhar utilizando esse modal”, destacou.

Obras prontas

Entre as 13 vias para ciclistas entregues desde o começo deste ano estãp a ciclofaixa de 14km que liga a Avenida Luís Eduardo Magalhães ao Cabula, a de 200 metros da Rua Ver. Menezes Leone, na Pituba (entre o Ponto 7 e a Rua Amazonas), a de 100 metros na Rua Mato Grosso, também na Pituba, a de 850 metros na Avenida Oceânica (entre o Largo Camarão e a Praça das Gordinhas), a estrutura de 1,5km em Amaralina (do Quartel do Exército ao Largo das Baianas) e a de 1,9km na Avenida Tamburugy (entre a Paralela e Piatã).

Também foram entregues a ciclofaixa de 2,1km da Avenida Tamburugy (Orla a Piatã), a de 750 metros da Avenida das Dunas, em Itapuã, o cicloviário marginal de 3,3 km do Alphaville, na Avenida Paralela, a de 700 metros da Avenida Orlando Gomes, próximo ao Bairro da Paz, a ciclovia de 200 metros na Rua Cônego Pereira, nas Sete Portas, e a de 1,2km da Rua Carlos Gomes, no Centro.

Vá de bike

Além da expansão das vias para ciclistas, a Prefeitura tem outras iniciativas que fomentam o estímulo no uso das bikes. Entre elas, a premiação com folgas aos servidores que fazem uso de bicicletas para irem ao trabalho. A medida iniciada pela Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Inovação e Resiliência (Secis) se entendeu a todas as secretarias da gestão pública durante a pandemia.

As ações de incentivo ao uso da bike não param por aí. Outra ação que merece destaque é o sistema de compartilhamento de bicicletas do projeto Bike Salvador. A iniciativa é coordenada pela Prefeitura, por meio do Movimento Salvador Vai de Bike, vinculado à Saltur, com patrocínio do Itaú Unibanco e gerenciamento dos equipamentos pela Tembici. Atualmente, são 50 estações e 400 bicicletas. São 710 vagas disponíveis em todo sistema.

Veja também

Deltan Dallagnol será investigado por “fundo da Lava Jato”

Membro do Conselho Nacional do Ministério Público, Luiz Fernando Bandeira de Mello pediu ao corregedor …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!