segunda-feira 30 de março de 2020
Foto: Reprodução/Instagram
Home / NOTÍCIAS / Segurança de Jair Bolsonaro de 39 anos é internado em estado grave pelo coronavírus
quinta-feira 26 de março de 2020 às 17:16h

Segurança de Jair Bolsonaro de 39 anos é internado em estado grave pelo coronavírus

NOTÍCIAS


Opresidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta quinta-feira (26) que o isolamento vertical durante a pandemia do coronavírus só deve ser feito após muito planejamento e estudo de dados referentes às vítimas e ao perfil de infectados pela Covid-19.

A declaração do deputado foi em referência ao segurança de Bolsonaro de 39 anos, internado nesta quinta no Hospital de Base, em estado grave por causa do coronavírus. O caso foi revelado pelo Metrópoles

“Estatística nos dão o norte, mas existirão casos de pessoas mais jovens que também terão casos diferentes da média. Por isso temos que tomar muito cuidado na questão do isolamento vertical, porque é um vírus novo”, justificou. Ele se referia à defesa do presidente da República de terminar com o confinamento em massa e adotar uma política de isolamento restrito a pessoas acima de 60 anos e incluídas nos grupos de maior risco (hipertensos, com doenças cardíacas, diabéticos e outras comorbidades).

Para Maia, o apoio do setor privado para comprar testes destinados a aumentar o número de informações acerca da infecção vai ajudar a dar uma “percepção maior de quantos casos de contaminados foram assintomáticos”. “É uma questão que precisa ser planejada e coordenada pelo governo federal”, reforçou.

Na manhã desta quinta-feira, o Metrópoles publicou que o segurança de Bolsonaro está com coronavírus e em estado grave. Ari Celso Rocha Lima de Barros tem 39 anos e foi internado no Hospital de Base do DF, na noite dessa quarta-feira (25).

Ele é capitão da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) e foi diagnosticado com a doença em 18 de março. Desde então, cumpria isolamento domiciliar. Mas, segundo a família, o quadro piorou.

Veja também

Governadores prometem reagir a eventual decreto de Bolsonaro

Governadores estudam acionar a Justiça se o presidente Jair Bolsonaro cumprir a sua vontade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!