sábado 31 de outubro de 2020
Foto: Reprodução/GloboNews
Home / DESTAQUE / 20 vereadores de Uberlândia são presos em operação contra desvio de verba de gabinete
segunda-feira 16 de dezembro de 2019 às 09:39h

20 vereadores de Uberlândia são presos em operação contra desvio de verba de gabinete

DESTAQUE, NOTÍCIAS


Entre os investigados estão o presidente da Câmara que foi preso juntamente com todos os outros 

Segundo o GloboNews, 20 dos 27 vereadores de Uberlândia são alvos na manhã desta segunda-feira (16) de uma operação do Ministério Público de Minas Gerais (MP-MG) que apura desvio de verbas de gabinete.

Entre os investigados estão o presidente da Câmara Hélio Ferraz, o Baiano (PSDB), que foi preso, e os vereadores Juliano Modesto (SD), que já estava preso, e Alexandre Nogueira (PSD), que cumpria prisão domiciliar e foi levado para a delegacia de Uberlândia.

Ao todo, são cumprido 40 mandados de prisão e 42 de busca e apreensão, inclusive na Câmara, com apoio da Polícia Militar.

O grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do MP-MG, responsável pela ação, não informou qual é o tipo de mandado cumprido contra cada um dos 20 vereadores investigados.

Segundo o Gaeco, a operação investiga desvio de recursos da verba indenizatória de gabinete da Casa, por meio de uso de notas fiscais frias de gráficas.

Confira o nome dos vereadores investigados nesta operação

  • Alexandre Nogueira (PSD)
  • Ceará (PSC)
  • Doca Mastroiano (PL)
  • Dra. Flavia Carvalho (PDT)
  • Dra. Jussara (PSB)
  • Felipe Felps (PSB)
  • Hélio Ferraz, Baiano (PSDB) – Presidente da Câmara
  • Isac Cruz (Republicanos)
  • Juliano Modesto (SD)
  • Marcio Nobre (PSD)
  • Pâmela Volp (PP)
  • Paulo César PC (SD)
  • Ricardo Santos (PP)
  • Rodi (PL)
  • Roger Dantas (Patriota)
  • Ronaldo Alves (PSC)
  • Silésio Miranda (PT)
  • Vico (Sem Partido)
  • Vilmar Resende (PSB)
  • Wender Marques (PSB)

Veja também

Arthur Lira: ser ou não ser desafeto de Rodrigo Maia?

De Arthur Lira, hoje o favorito para suceder Rodrigo Maia, sobre ser ou não desafeto do presidente …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!