quinta-feira 25 de fevereiro de 2021
Foto: Luciano Cunha
Home / NOTÍCIAS / Câmara de Simões Filho aprova três importantes Projetos de Lei do Executivo em Sessão Extraordinária
quinta-feira 11 de fevereiro de 2021 às 14:53h

Câmara de Simões Filho aprova três importantes Projetos de Lei do Executivo em Sessão Extraordinária

NOTÍCIAS, RMS


Os vereadores do município de Sim~es Filho, região metropolitana de Salvador, e reuniram, na manhã desta última quarta (10), para realizarem a 2ª Sessão Extraordinária do 1º ano da 15ª Legislatura, com o objetivo de analisar, apreciar e aprovar três Projetos de Lei os quais

Os parlamentares se reuniram e foram aprovados, por unanimidade, em uma primeira e única discussão.

O Projeto de Lei de nº 004/2021 dispõe sobre a doação de peixes, na semana santa, às famílias carentes que possuem renda familiar mensal por pessoa seja menor ou igual à metade do salário mínimo, e dá outras providências.

Mais um projeto do Executivo a ser apreciado no plenário refere-se ao de nº 005/2021, que altera a Lei Municipal nº 1.074/2018, a qual dispõe sobre a doação de equipamentos e insumos para atender o projeto “Família Cidadã”, que contempla famílias em situação de vulnerabilidade social cadastradas no CadÚnico, beneficiárias do bolsa família e indivíduos em situação de vulnerabilidade social.

Por último, também foi apreciado o Projeto de Lei de nº 006/2021, que altera a estrutura organizacional da Prefeitura Municipal de Simões Filho, e dá outras providências.

Na discussão, vereadores destacaram a importância da tradição da doação de peixes às famílias carentes. “No ano passado, em virtude da pandemia, não foi feita essa entrega, e nós esperamos que haja um planejamento por parte da secretaria para que possamos ver essas pessoas atendidas através dessa doação. Sabemos o quanto é necessário, por isso estamos votando em regime de urgência”, comentou Joel Cerqueira (PSD).

Além de votar a favor, o presidente Eri Costa (MDB) relembrou a existência de um projeto autoral que visa a construção de um Restaurante Popular para oferecer refeição de qualidade à população simõesfilhense, principalmente os mais necessitados.

“Considero essa questão da cadeia alimentar importante, e esta Casa tem a obrigação de discutir essas questões também. Uma alimentação balanceada é uma forma preventiva para eventuais doenças no futuro. Se for alegado questão de gasto, que a gente possa substituir, e o gasto com o peixe ser investido no restaurante popular”, finalizou.

Veja também

Confira como será o funcionamento do comércio de Salvador com ‘lockdown’

Com o aumento significativo da procura por atendimentos nas UPAs e elevação da taxa de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!