terça-feira 20 de abril de 2021
Foto: Assessoria
Home / NOTÍCIAS / Deputada Talita cobra envio de insumos médicos para hospitais baianos
sexta-feira 26 de março de 2021 às 05:29h

Deputada Talita cobra envio de insumos médicos para hospitais baianos

NOTÍCIAS


A deputada estadual Talita Oliveira (PSL) cobrou do novo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, o envio de insumos médicos destinados à intubação e oxigênio para os hospitais da Bahia. Em indicação apresentada na Assembleia Legislativa, a deputada lembrou que a ocupação de UTIs por pacientes na maioria dos estados ultrapassa 90% e agrava o fornecimento de medicamentos, principalmente de sedação, e de oxigênio para pacientes internados com Covid 19.

“Podemos ver que as cidades do interior da Bahia já estão sofrendo com a falta de medicamentos, insumos e produtos para UTI, além de ter seus estoques de oxigênio diminuídos pela demanda cada vez maior, por causa do crescimento de casos graves de Covid-19 e da demora na regulação dos pacientes”, afirmou. Segundo ela, a demanda por oxigênio hospitalar cresceu além da capacidade dos fornecedores suprirem as prefeituras.

Talita disse ainda que situação nos municípios baianos se tornou pública depois que o prefeito de Queimadas, André Andrade (PT), postou vídeo em suas redes sociais expondo o problema, afirmando que os cilindros de oxigênio utilizados no atendimento a pacientes com Covid-19 estão próximo de se esgotar. Ele disse que o fornecedor não tem conseguido dar conta da demanda devido ao aumento rápido dos casos graves da doença que elevou o consumo do gás, este é o reflexo em toda as regiões da Bahia.

“Na cidade de Queimadas em uma semana o número cresceu para 14 internamentos, todos demandando oxigênio, alguns consumindo até 20 litros por hora”, contou ela, explicando que um botijão comporta apenas 50 litros. “Isso sem contar os pacientes que já receberam alta, estão em casa, mas mesmo assim têm dificuldade de respirar e precisam de suporte de oxigênio”.

Além da cidade de Queimadas, ela citou o aumento dos casos de Covid-19 nos municípios de Valente e Cipó, também localizados no Nordeste da Bahia. Em Cipó, contou ela, o consumo de oxigênio hospitalar aumentou em seis vezes nos últimos dias. “O problema vivido pelos três municípios é uma realidade das cidades do interior”, concluiu.

Veja também

Arrecadação de março superou as melhores expectativas, diz Guedes

A arrecadação recorde em março superou as melhores expectativas da equipe econômica e confirmou o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!