quinta-feira 4 de março de 2021
Foto: Ag. Câmara
Home / NOTÍCIAS / Deputado vai ao STF para garantir eleição remota na disputa na Câmara
segunda-feira 18 de janeiro de 2021 às 19:53h

Deputado vai ao STF para garantir eleição remota na disputa na Câmara

NOTÍCIAS


O grupo de Arthur Lira (PP-AL) obteve nesta segunda-feira (18) uma vitória na Mesa Diretora da Câmara e a eleição para presidente da Câmara será presencial. Mesmo deputados do grupo de risco terão que comparecer, se quiserem votar.

Relator do caso nessa discussão de hoje, o deputado Mário Heringer (PDT-MG), contrariado, decidiu conforme a revista Veja, recorrer ao STF para que tenha o direito de votar à distância, de forma remota.

“Não vou votar com aquele monte de gente lá. Vou ao Supremo (STF) pelo meu direito de votar à distância. Uma boa parcela dos deputados assim prefere”, disse Heringer ao Radar.

Na discussão de hoje na Mesa, Soraya Santos (PL-RJ) e André Fufuca (PP-MA), que apoiam Lira, defenderam com ênfase a votação presencial.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, que também foi contra, ironizou a situação e disse que durante a calorosa discussão só faltou os apoiadores de Lira exigirem o voto impresso.

Maia calcula que, se for mantida a votação presencial, cerca de 3 mil pessoas circularão pela Câmara, um local que não tem qualquer ventilação e com muitos corredores.

Veja também

Colbert apela para Estado aumentar leitos para Covid-19 em Feira de Santana

Governo Municipal vai ampliar em mais cinco leitos de UTI O prefeito de Feira de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!