domingo 9 de maio de 2021
Foto: Secom/PMS
Home / DESTAQUE / Leo Prates diz ter sido pego de surpresa sobre decisão da justiça para vacinação dos profissionais de educação em 48 horas
terça-feira 4 de maio de 2021 às 16:38h

Leo Prates diz ter sido pego de surpresa sobre decisão da justiça para vacinação dos profissionais de educação em 48 horas

DESTAQUE, NOTÍCIAS


Em entrevista ao Balanço Geral da TV Record, o secretário da Saúde de Salvador, Leo Prates, afirmou ser injusta a decisão judicial que determinou a vacinação em 48 horas, a partir da tarde desta terça-feira (4), de todos os trabalhadores da educação do ensino básico. Prates alegou ter sido pego de surpresa e comunicou que a Procuradoria do Município irá recorrer.

Ao longo da entrevista, Prates pediu que os profissionais que se encaixam na nova etapa da vacinação confiram se o nome está na lista, disponível no site da Secretaria Municipal de Saúde. Os trabalhadores de 18 e 39 anos serão colocados no sistema. Já os acima de 40 já foram vacinados, segundo o secretário.

A ação judicial foi sentenciada pelo juiz Ruy Eduardo de Almeida Britto a pedido do Instituto de Gestão Pública (IBGP).

Veja também

Morte de petroleiro pode confirmar responsabilidade legal de empresas por casos de Covid-19

Uma ação sobre a morte de um petroleiro da Transpetro deve abrir debate na Justiça …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!