segunda-feira 6 de abril de 2020
Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula
Home / NOTÍCIAS / Lula revela o que lia nos dias em que esteve preso
terça-feira 14 de janeiro de 2020 às 17:08h

Lula revela o que lia nos dias em que esteve preso

NOTÍCIAS


Nesta terça-feira (14), o ex-presidente Lula decidiu relembrar os 580 dias que passou na prisão e os 40 livros que leu no período. Em sequência publicada no Twitter ele destacou seus autores e gêneros preferido e comentou sobre sua futura biografia.

“Li, na prisão, mais de 40 livros e quando recebi o primeiro, Um Defeito de Cor, de 952 páginas, me questionei por quanto tempo ficaria preso”, comentou o presidente ao inaugurar sua thread “5 fatos literários sobre mim”, corrente que ganhou o Twitter nesta terça.

Destes, ele contou que seus preferidos foram “O Amor nos Tempos do Cólera”, de Gabriel García Márquez; “A Elite do Atraso”, de Jessé Souza; “A Fome”, de Martín Caparrós; “O Petróleo”, de Daniel Yergin; “Sapiens”, de Yuval Harari; e “Escravidão”, de Laurentino Gomes conforme publicou a revista Fórum.

Fascinados por biografias, o ex-presidente contou também que leu diversos livros do gênero no período em que esteve preso, mas deu destaque às publicações sobre Tiradentes, Fidel Castro, Nelson Mandela, Luis Carlos Prestes, Hugo Chávez, Vladimir Putin e Carlos Marighella.

Ele ainda lembrou do lançamento de “A Verdade Vencerá”, que foi indicado ao Prêmio Jabuti e ganhou edição ampliada, e revelou que a sua própria biografia está próxima de sair. “O escritor Fernando Morais, biógrafo de Olga, Paulo Coelho e Assis Chateaubriand, trabalha na minha biografia desde julho de 2011. Ele promete lançar nesse ano”, declarou.

Veja também

Sem Mandetta, Bolsonaro faz reunião com ministros e Osmar Terra sobre covid-19

O presidente Jair Bolsonaro fez mais uma reunião no início da tarde desta segunda-feira (6) …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!