quarta-feira 20 de janeiro de 2021
Foto: Reprodução / A Tarde
Home / NOTÍCIAS / Manejo de efluentes industriais na Baía de Todos os Santos é tema de fórum
sexta-feira 29 de novembro de 2019 às 16:09h

Manejo de efluentes industriais na Baía de Todos os Santos é tema de fórum

NOTÍCIAS


Como é possivel garantir a preservação da Baía de Todos os Santos e a eficiência no manejo de efluentes industriais na região? Essa é a pergunta que norteou o início da quinta edição do Fórum Permanente de Sustentabilidade da Baía de Todos os Santos, evento que acontece hoje, dia 29, na sede do Ministéro Publico estadual, em Nazaré. Na abertura do evento, a promotora de Justiça Cecília Marins, coordenadora do Núcleo da Baía de Todos os Santos (NBTS), ressaltou a importância da união entre as organizações para garantir a preservação do local.

“Se podemos retirar algo de positivo em relação à recente poluição no litoral nordestino, é que isso gerou uma união entre as organizações que lidam com meio ambiente. E isso é importantíssimo, até por que a natureza não pertence a uma só localidade. A Baía de Todos os Santos, por exemplo, precisa ter uma gestao compartilhada para garantir sua preservação”, apontou.

A promotora ainda ressaltou o tema do descarte de resíduos provenientes da atividade industrial. “Os efluentes industriais são uma das causas mais sensíveis que devem ser enfrentadas para a conservação da Baía. É preciso pensar em seu impacto para as comunidades e analisar a eficiência dos padrões de monitoramento usados pelos orgãos responsáveis”, opinou. Mais de 140 inscritos participam do evento, entre representantes da sociedade civil, do governo estadual e membros e servidores do MP. O Fórum Permanente de Sustentabilidade conta com o apoio do Ministério Público estadual e é promovido pela organização socioambientalista Pró-Mar.

Ainda na mesa de abertura, o fundador da Pró-Mar, José Oliveira Pinto, apresentou exemplos de ações concretas que foram resultado das outras edições do fórum. “Já conseguimos a publicação de um edital para o retorno do Conselho Gestor da Área de Preservação Ambiental da Baía. Mas ainda devemos extrair desta edição grupos que acompanhem os problemas da região. São questões frequentes e que afetam não só as comunidades tradicionais da área, mas também toda a economia da região”, disse. Também participaram da mesa o vice-presidente do Instituto de Pesca de Ilha de Maré, Agnaldo Ferreira e o representante da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema), Rosalvo Oliveira.

A programação do Fórum ainda trará palestras sobre estratégias para gestão ambiental, ministrada pelo representante da Cetrel S/A, Eduardo Fontuora; sobre o sistema viário do Oeste baiano e a ponte Salvador-Itaparica, ministrada pelo secretário da Casa Civil Bruno Dauster; e sobre a importância da Baía de Todos os Santos, ministrada pelo representante da Worldwatch Institute (WWI) Brasil Eduardo Athayde. Após as palestras, três grupos de trabalho debaterão propostas de ação para os problemas apontados e promoverão seu encaminhamento aos órgãos responsáveis.

Veja também

PDT aciona Supremo contra votação presencial para a presidência da Câmara

O PDT apresentou um mandado de segurança ao Supremo Tribunal Federal (STF) nesta última terça-feira …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!