sábado 8 de maio de 2021
Foto: Jefferson Peixoto/Secom
Home / NOTÍCIAS / Obras do Arquivo Público Municipal e Casa da História estão 1/3 concluídas
segunda-feira 12 de abril de 2021 às 10:57h

Obras do Arquivo Público Municipal e Casa da História estão 1/3 concluídas

NOTÍCIAS


Com cerca de 30% de avanço, as obras do Arquivo Público Municipal e da Casa da História de Salvador seguem em ritmo acelerado. Neste momento, a intervenção está na fase de concretagem dos dois blocos de fundação do Arquivo Público, na última sexta-feira (9), foi iniciada a aplicação de um volume de 280 metros cúbicos – correspondente a 35 caminhões betoneira de concreto.

Além disso, outras intervenções foram realizadas no local, a exemplo da conclusão da fundação, estrutura metálica e a restauração da fachada do prédio, que terá 11 andares no total. A obra é realizada pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), através do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo em Salvador (Prodetur).

A Casa da História e o Arquivo Público constituem um complexo arquitetônico de valor histórico e cultural que está sendo implantado na Rua da Bélgica, no bairro do Comércio. O chamado Centro de Interpretação do Patrimônio é o ponto de convergência dos dois equipamentos, constituído por duas edificações de características distintas arquitetonicamente, mas que terão serviços e atividades funcionando de maneira interligada e integrada.

O projeto prevê instalações modernas e adequadas à organização, conservação, preservação, difusão e acesso ao importante acervo sobre a história e cultura de Salvador e do Brasil. O novo prédio vai contar com laboratório de restauro e depósito de documentos recebidos, salas de oficinas, coordenação de cursos e secretaria de cursos, salas de fotografias, registros magnéticos e arquivos audiovisuais, atendimento ao usuário, arquivos impressos, biblioteca do acervo e sala de projeção, dentre outros.

Na lista de documentos textuais que fazem parte do acervo estão os registros de Compra e Venda de Escravos em Salvador, informando os nomes e endereços dos proprietários e compradores, além da nacionalidade dos negros escravizados. Em outros conjuntos documentais estão registrados diversos feitos históricos, como o A Independência do Brasil na Bahia, em 2 de julho de 1823, a Aprovação da Lei Áurea e a Proclamação da República.

Para o secretário da Secult, Fábio Mota, os equipamentos vão fortalecer ainda mais o turismo na capital baiana. “A preservação da história do Arquivo Público de Salvador é a preservação da história do Brasil. Esses equipamentos vão abrigar um acervo de mais de 4 milhões de documentos, um dos mais importantes da América Latina, proporcionando um maior conhecimento ao soteropolitano e ao visitante. Além de se tornar um grande indutor de turismo para nossa cidade,” ressaltou.

Investimento

As obras de construção e restauração da Casa da História e do Arquivo Público Municipal possuem investimento do Prodetur, por meio de Empréstimo junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), no valor de R$34,7 milhões. As obras estão sendo executadas pelo Consórcio Prodetur – Salvador, formado pelas empresas Metro Engenharia e Consultoria e Construtora BSM. O complexo está previsto para ser entregue em fevereiro de 2022.

Veja também

Primeira Farmácia Escola da rede estadual será implantada em Salvador

Em uma parceria entre as Secretarias do Meio Ambiente (Sema) e da Educação (SEC), será …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!