segunda-feira 1 de março de 2021
Foto: Ascom/AL-BA
Home / NOTÍCIAS / Presidente da AL-BA decreta luto oficial de três dias por morte de ex-deputado
quarta-feira 5 de fevereiro de 2020 às 11:46h

Presidente da AL-BA decreta luto oficial de três dias por morte de ex-deputado

NOTÍCIAS


O presidente Nelson Leal (PP) decretou luto oficial de três dias em reverência à memória do ex-deputado Gerson Gomes, que faleceu na segunda-feira (3) pela manhã aos 86 anos. O corpo foi velado na Câmara Municipal de Feira de Santana, onde ele cumpriu dois mandatos como vereador. Ele deixou viúva dona Zenaide Fernandes da Silva, oito filhos e netos. O corpo foi velado ontem na Câmara de Vereadores e sepultado nesta quarta (5) no Cemitério Jardim Celestial.

Em Feira de Santana, local em que Gerson Gomes exerceu forte atividade política, inclusive com uma candidatura – o vencedor foi José Falcão – a prefeito nas eleições de 1982, o prefeito Colbert Martins Filho também decretou luto oficial.

Nos anos 70 do século passado, ele (Gerson Gomes) foi aliado político do pai do atual prefeito, o também ex-prefeito Colbert Martins pelo Movimento Democrático Brasileiro (MDB), partido de oposição aos governos militares do pós-64.

Solidadriedade

O presidente do Legislativo lamentou o falecimento do ex-parlamentar, um “homem correto” que nunca se afastou da política partidária, estando sempre presente nos acontecimentos marcantes de Feira de Santana, por assim dizer a sua terra adotiva. O deputado Nelson Leal ofereceu seus pêsames à viúva, filhos, netos e demais familiares do ex-deputado Gerson Gomes, rogando a Deus para confortar seus entes queridos nesse duro momento de separação, guardando em seus corações e mentes os muitos momentos felizes que tiveram em sua companhia”.

Nascido em 18 de outubro de 1933 no município baiano Capela do Alto Alegre, Gerson Gomes começou sua trajetória no extinto MDB. Inicialmente, integrou a legenda como membro do diretório municipal e, depois, ocupou a presidência. Ele se elegeu vereador para o mandato entre 1972 e 1976, se reelegendo para o mandato que interrompeu dois anos depois, quando se elegeu deputado estadual em 1978 agora pelo PMDB.

Gerson Gomes retornou ao Legislativo Estadual no pleito seguinte, em 1986, pelo Partido da Frente Liberal (PFL), participando da Constituinte Estadual. Ele permaneceu fazendo política, sendo coordenador de regiões administrações administrativas de Feira de Santana durante o segundo mandato de João Durval na prefeitura da cidade. Era profundamente religioso e membro da Assembleia de Deus de Feira de Santana (ADEFS).

Na Assembleia Legislativa, presidiu a Comissão de Proteção ao Meio Ambiente (1987-1990); foi vice-presidente da Comissão de Saúde Pública e Saneamento (1982); e membro titular das comissões: Redação Final (1979), Desenvolvimento Econômico, Social e Urbano (1981-1982), Proteção ao Meio Ambiente (1980-1982), Direitos Humanos (1989, 1990); e atuou como suplente das comissões de Turismo (1979), Agricultura e Incentivo Rural (1979), Desenvolvimento Econômico e Turismo (1987-1988), Defesa do Consumidor (1989-1990), Minas, Energia, Ciência e Tecnologia (1989-1990).

Veja também

Usar máscara no Palácio do Planalto causa constrangimento, diz coluna

Da recepção aos gabinetes, o não uso de máscaras para combater o espalhamento da Covid-19 …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!