segunda-feira 28 de setembro de 2020
Home / NOTÍCIAS / Publicitário baiano João Santana recebeu R$ 18 milhões da Odebrecht, diz jornal
domingo 21 de abril de 2019 às 11:30h

Publicitário baiano João Santana recebeu R$ 18 milhões da Odebrecht, diz jornal

NOTÍCIAS


Uma planilha da transportadora de valores que operou para a Odebrecht em São Paulo indica que ao menos 187 entregas de dinheiro a políticos, marqueteiros e agentes públicos foram consumadas na capital paulista, entre setembro de 2014 e maio de 2015. O jornal O Estado de S. Paulo teve acesso ao documento, que é mantido sob sigilo pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

De acordo com o jornal, os 187 pagamentos cujas datas, valores e senhas coincidem estão vinculados a 57 codinomes criados pela empreiteira para ocultar a identidade do beneficiário final da propina. Somente entre setembro de 2014 e maio de 2015 foram pagos R$ 97,5 milhões em São Paulo.

A maior quantia no período, conforme a reportagem, foi direcionada ao codinome “Feira”, atribuído ao ex-marqueteiro de campanhas petistas, o  baiano João Santana. Foram 26 entregas no valor total de R$ 18 milhões feitas para William Ali Chaim, operador do PT, e André Santana, assistente do publicitário.

Chaim recebeu a maior parte dos repasses no apartamento 1.301 de um flat em Moema, onde ficou hospedado entre agosto e novembro de 2014. Além do endereço e do nome de Chaim, que está preso, a planilha da Transnacional traz o número de telefone celular dele.

Veja também

‘A arte de bajular’ por José Renato Nalini

Já se afirmou que a matéria-prima de que a humanidade foi confeccionada foi uma espécie …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!