sábado 6 de março de 2021
Foto: Reprodução
Home / NOTÍCIAS / Veterinário e diretor do Ministério da Saúde torna categoria prioritária para vacina contra covid-19
domingo 24 de janeiro de 2021 às 15:45h

Veterinário e diretor do Ministério da Saúde torna categoria prioritária para vacina contra covid-19

NOTÍCIAS


Ele assina ofício e solicita que postos dos municípios e estados disponibilizem a vacina a veterinários

O médico veterinário e diretor do departamento de imunização e doenças transmissíveis do Ministério da Saúde, Laurício Monteiro Cruz, assinou na última segunda-feira dia (18) um ofício incluindo a categoria de médicos veterinários, técnicos e auxiliares como grupo que deve ter acesso prioritário à imunização contra a covid-19.

Diante de um cenário de acesso restrito às vacinas e dificuldades enfrentadas para a chegada nos imunizantes ao país, o plano de imunização do Ministério da Saúde coloca na linha de acesso prioritário à vacina, sem distinguir etapas e cronogramas, todos os operadores do sistema hospitalar brasileiro.

No documento nº 8/2021, ele escreve que “trabalhadores dos serviços de saúde são todos aqueles que atuam em espaços e estabelecimentos de assistência e vigilância à saúde, sejam eles hospitais, clínics, ambulatórios, laboratórios e outro locais.”

Com isso, ele cita no ofício como profissionais da saúde “médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, biólogos, biomédicos, farmacêuticos, odontologistas, fonoaudiólogos, psicólogos, serviços socais, profissionais de educação fisica, médicos veterinários e seus respecvos técnicos e auxiliares.”

Cruz ressalta ainda, no documento que “médicos-veterinários atuam em diversas frentes e estão inseridos em clínicas, hospitais, defesa sanitária, desempenhando avidades que vão desde a gestão até a vigilância de zoonoses, vigilância ambiental em saúde, epidemiológica e sanitária, o que os torna mais susceveis à doença.”

A partir desses argumentos, o diretor do Ministério da Saúde solicita, então, que todos os postos dos municípios, estados e do Distrito Federal disponibilizem a vacina a médicos veterinários. Além disso, ele orienta que “para ter direito, basta o médico veterinário apresentar sua carteira de idendade profissional.”

Por meio de nota, o CFMV (Conselho Federal de Medicina Veterinária), que, “desde 1998, os médicos-veterinários são reconhecidos como profissionais de saúde, por meio da Resolução nº 287, do Conselho Nacional de Saúde (CNS), assim como outras 13 profissões, como assistentes sociais, biólogos, terapeutas ocupacionais e outras.”

A entidade afirmou ainda que “os médicos-veterinários são profissionais de saúde pública em diversas atuações e com atendimento direto à população, como integrantes das equipes de atenção básica à saúde de diversos municípios.”

Em relação à atuação direta em casos de covid-19, o CFMV afirmou que há equipes que participam do combate da doença “atendendo à convocação do Ministério da Saúde para atuar no programa O Brasil Conta Comigo, ação realizada em abril de 2020.” O órgão declarou ainda que “durante a pandemia, alguns médicos-veterinários têm trabalhado, voluntariamente, em hospitais, realizando treinamento de equipes.”

“O médico-veterinário integra equipes de trabalho na defesa e vigilância sanitária, inspeciona os produtos de origem animal consumidos pela população de forma a preservar a saúde das pessoas. Também estão nas vigilâncias epidemiológicas, vigilâncias ambientais e Centros de Controles de Zoonoses monitorando e controlando todas as doenças zoonóticas (transmitidas dos animais para os homens), como dengue, chikungunya, raiva e leishmaniose. São atividades que, inclusive, demandam visitas regulares aos domicílios, por meio dos Núcleos Ampliados de Saúde da Família e Atenção Básica (NASF-AB).”

Veja também

Deltan Dallagnol será investigado por “fundo da Lava Jato”

Membro do Conselho Nacional do Ministério Público, Luiz Fernando Bandeira de Mello pediu ao corregedor …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!